Para uma leitura proveitosa de Manuel Bandeira (ou de qualquer outro poeta), é necessário apreender o sentido próprio do poema, identificando recursos estéticos como o hiato. É disso que o professor Bernardo Souto fala neste vídeo.

O vídeo é um pequeno trecho de uma das aulas do curso “Manuel Bandeira: Conservador Autêntico”.

Detalhes sobre o curso no link: http://institutoborborema.com/curso-manuel-bandeira/